Wesley Poison lança livro de poemas unindo ciências exatas e humanas

A força e intensidade da saga poética audiovisual de Wesley Poison foram uma amostra do que estava por vir. Na última quarta-feira, 13 de outubro, o artista lançou seu livro “Coração Enraizado, Pensamento Elevado: Em Equação Poética”, e não poupou entrega de si na obra.Com um catálogo de poemas que emanam temas os quais flertam entre os condicionados lados opostos da vida, como melancolia, alegria, dor, prazer, entre outros, Poison exala sua vivacidade nas vertentes de seus tons de pensamentos e sentimentos, trazendo uma série de reflexões e questionamentos.

Mediante a analogia da vida humana com o ciclo de vida de uma árvore, destaca-se no livro o fato do artista unir as ciências exatas e humanas. Isso mesmo! Apreciador da matemática presente em todas as coisas, como também das criações de equações para representações, Wesley Poison conta que na obra reuniu vivências, em si e ao redor, almejando criar a equação poética de si. Ponto importante que ele também faz questão de ressaltar é sobre encorajar as pessoas a serem si mesmas, para que criem suas próprias equações poéticas sem serem uma sombra do próximo.

Em meio ao cenário vital, sendo ele a Terra, o livro trata-se de originar-se, desenvolver-se e passar pela infindável roda dos ciclos da existência. Diante da vida como sendo uma passagem, é sobre metaforicamente, como uma árvore, enraizar o coração e elevar a mente a fim de poder fortalecer a artéria que os une e, na desobstrução, transitar por esses dois mundos; aprofundá-los, estendê-los, elevá-los, assim então gerar frutos deixando sementes como rastros de vida. No entanto, para que isso seja possível, é sobre passar pelos dualismos condicionados em si e ao redor, no sentido de sentir os melhores e piores lados, refletir, dissecar e manter-se na busca de sobressair e ver sua própria R[Evolução]. Os colchetes presentes durante o livro, exalam a existência de mais de um elemento que compõe o todo, nas histórias costuradas, fazendo uma analogia como uma expressão numérica onde são equacionados os coeficientes do sentir e do pensar na busca do X, em que a interrogação mantém o enraizar do coração e o pensamento em elevação.”, declara Wesley.

A obra, independente, foi escrita durante o período de dois anos, tendo início em abril de 2019, e fim no mesmo mês de 2021. O que, de fato, é interessante é que, na época, o outono foi a estação que acompanhou os primeiros poemas. “assim segui pela Era do inverno em todos os sentidos, e diante dos ciclos de todas estações percorridas no adiante, estou lançando-o na primavera, onde sela o florescer!”, acrescenta Wesley.

O artista plástico Eduardo Morais, da marca “Belo e Bizarro”, foi o responsável pela pintura da capa do livro, idealizada por Poison, e contou que “Quando o Wesley me falou sobre as ideias gerais do projeto, elas instantaneamente geraram em mim uma identificação muito grande porque minha produção é muito voltada à introspecção, ao subjetivo, ao indivíduo, a como ele se posiciona no mundo, ao que não se mostra e ao que não se vê. Tento sempre encontrar um equilíbrio entre o belo e o bizarro, e acho que isso se manifesta bastante na concepção da capa, na medida em que vemos a beleza de um coração, mas esse coração está distorcido; e o talo que se eleva até o cérebro, mas ele está cheio de espinhos – como uma rosa que é bela, porém machuca quem a toca. Acho que é aí que reside a alma do projeto; é a beleza que reside nas feridas”.


A honestidade revelada na inquieta exuberância de expressão, não apenas da escrita mas também em sua saga poética audiovisual, coloca Wesley Poison como promissor e inovador nome na poesia brasileira contemporânea. E não para por aí, pois o artista também tem chamado a atenção de estrelas do rock e metal mundial como o lendário Rob Halford (Judas Priest), Tommy Henriksen (Alice Cooper), Laurens Bakker (Picture), dentre outros nomes os quais interagem em suas publicações nas redes sociais.

O livro está disponível na versão física, diretamente com o artista através de suas redes sociais oficiais “@wesleypoison“, como também na versão e-book pela Amazon.

FONTE: https://revistaartebrasileira.com.br/wesley-poison-livro-de-estreia/

#ToNaMidia #ClaudeLopes #WesleyPoison #LivroCoracaoEnraizadoPensamentoElevado #EquacaoPoetica

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Leita também