DeLima Seguros
Image default
Beleza Personalidade

Massoterapeuta das famosas, Thaísa Ferraz agora é doula e lança projeto para atender mulheres carentes

Antes, durante e após o trabalho de parto, sabemos que não só as mamães, mas o casal em si necessita de suporte físico e orientação emocional, já que toda essa trajetória exige cuidados e acompanhamento detalhado. Para tanto, existem as chamadas “Doulas”, mulheres que estão de prontidão e servem como uma conexão entre a equipe médica, a família e a grávida.

Pesquisas feitas no exterior constatam que, com a atuação de uma Doula, as taxas de cesárea podem diminuir em até 50%, além dos pedidos de anestesia (60%), duração do trabalho de parto (20%) e uso de fórceps (40%).

O apoio da Doula é imprescindível à gestante, e se estende ao bebê e família. Tudo acontece de forma harmoniosa, e o respeito durante todo o processo de gestação incide também de maneira informativa e carinho à mãe, filho e parentes.

“Nós damos apoio técnico para que a gestante tenha um trabalho de parto de forma humanizada, respeitosa, onde todos os seus direitos são assistidos.” Comenta Thaísa Ferraz, enfermeira, pós-graduada em saúde da mulher e massoterapeuta, ocupa o 3º lugar entre as pupilas de Renata França. Conhecida por atender celebridades e pelas inúmeras participações em diversos programas de TV, ganhou o prêmio de destaque do ano pelas mãos da anfitriã Renata França, que homenageou as melhores profissionais do segmento com uma festa no Palácio Tangará em São Paulo.

Um projeto social que deu certo

Profissional de sucesso, Thaísa resolveu investir no papel de Doula. Hoje trabalha com mulheres carentes.

A história começou quando a massoterapeuta precisou de internação devido a uma doença autoimune. Devido a isso, permaneceu por um longo período no hospital. Com olhar clínico, lá dentro visualizou o que havia de deficiente. Os trabalhos de parto, que poderiam ser natural, acabavam por se concluir em cesarianas. Tudo isso por falta de informação da gestante. “Pela carência de preparo e por medo, a futura mamãe acaba optando pela cesária. A Doula tá ali pra isso, pra orientá-la.” Comenta.

Atualmente Thaísa faz palestras, geralmente de 40 em 40 dias, sobre atendimentos no pré e pós-parto. Esse projeto não contempla o parto em si, pois não há Doulas suficientes para fazer o trabalho voluntário.

A massoterapeuta é quem fornece tudo para a gestante. Dá todo o pré-parto para ela, além de todas as informações, como o reconhecimento e obtenção de seus direitos. Há também uma série de exercícios. Eles servem para que as futuras mamães, no seu empoderamento, tenham um parto com sucesso, independente do escalão.

 

30 dias após o nascimento do bebê, Thaísa promove um novo encontro no intuito de verificar como está a adaptação da criança com a mãe e vice-versa. O apoio observa inclusive a amamentação e cuidados com o bebê, ou mesmo se a mãe está num processo depressivo que pode ocorrer após a gestação. “Sendo assim, consigo encaminhá-la para os profissionais responsáveis, como fonoaudióloga, psicólogo, etc.” Conclui.

E em relação ao pai, que geralmente se sente atracado ao evidenciar suas emoções, a Doula entra com o papel de orientá-lo na hora de prestar apoio à mulher. Um suporte que tem ajudado inúmeras famílias na região de Vinhedo/SP.

#TONAMIDIA #COBERTURAS #ENTRETENIMENTO #PLATAFORMASDIGITAIS #BACKDROP #ENVELOPAMENTODEONIBUS #Doula #ThaisaFerraz

Você também pode curtir

Carregando....