Search
Close this search box.

Manola lança seu 1º EP abraçando a volatilidade dos sentimentos e efemeridade das relações

A cantora e compositora Manola lança seu primeiro EP, intitulado “Passageiro”. O projeto, que chega pela Soho Music Sessions, conta com seis faixas, sendo três inéditas e três já conhecidas pelos fãs da artista.

O EP traz uma sonoridade urban pop, com letras que abordam temas como amor, autoconhecimento e relacionamentos. A faixa-título, “Passageiro”, fala sobre a efemeridade das relações e a importância de abraçar a vida com leveza.

“Às vezes a gente se apaixona perdidamente e depois quando passa é difícil até acreditar que aquilo realmente aconteceu”, conta Manola. “Tudo o que a gente sente, uma hora passa, pro bem ou pro mal. E só porque passa, não quer dizer que não valeu a pena. Talvez o fato de passar torne tudo ainda mais especial. Nossos sentimentos são passageiros, as pessoas nas nossas vidas são passageiras e nós também somos passageiros nesse mundo.”

Além de “Passageiro”, o EP traz as inéditas “Passageiro”, “Quanto Tempo Faz” (com Folky) e “Deixa” (com Rodrigo Auad). As faixas já lançadas são “Chora”, “Privê” (com Gimenez) e “Amor Cheio de Marra” (com GB Honorato).

Passageiro
Composto por seis faixas, sendo três inéditas e três já conhecidas pelos fãs da artista. “Passageiro” é uma expressão genuína da jornada pessoal de Manola, destacando as nuances da vida e convidando os ouvintes a refletirem sobre seus destinos de maneira leve e efêmera.

“Passageiro é tanto pra ter a abordagem que somos os motoristas das nossas vidas e todas as outras pessoas são passageiros, então temos que nos guiar ao nosso próprio destino e confiar em nós mesmos, e também abraçar a efemeridade das coisas com leveza. Porque as pessoas podem ser passageiras, mas nem por isso nossas relações são menos verdadeiras ou especiais. Nossos sentimentos são passageiros, mas sentimos profundamente cada um. E nós também somos passageiros nesse mundo, então vamos fazer o nosso melhor com o tempo que nos foi dado, seguindo nossos sonhos sem medo do julgamento alheio e sem se levar muito a sério. E principalmente, se permitir a amar de verdade, independentemente do tempo que isso vai levar”, revela a cantora.

Ao refletir sobre a transitória natureza das relações humanas, Manola destaca no projeto que mesmo quando as pessoas são efêmeras em nossas vidas, isso não diminui a verdade ou a especialidade dessas conexões. Os sentimentos, por mais temporários que sejam, são vividos intensamente.

Dessa forma, “Passageiro” não é apenas um EP; é uma narrativa reflexiva e sincera sobre a jornada humana, convidando os ouvintes a contemplarem a complexidade da vida e a abraçarem cada momento com autenticidade.

#tonamidia #claudelopes70 #manola #sohomusicsessions

COMPARTILHE
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Leita também

a) Cole no código-fonte do seu site, próximo à parte inferior, pouco antes, ex: da mesma forma que você insere o script/código do google analytics. b) Caso você esteja usando banners, você também precisa adicionar a tag: