Homenagem Ao Rei Do Baião

Eu Venho De Longe Seu Moço

Pro Mundo Inteiro Vou Falar

Luiz Morreu Mas Deixou Sua Asa Branca No Ar

Foi Ele Que Pintou A Cerca, Também Pisa Na Fulô

A Volta Da Asa Branca, Assim Preto Ele Gravou

Teve Pena Da Rolinha Que O Menino Matou

Ele Se Tornou Heroi Das Cidades Do Sertão

E Cantando Pra O Povo Se Tornou Rei Do Baião

 

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Leita também