Search
Close this search box.

Fiorella grava seu primeiro projeto audiovisual em SP “Meio Cidade, Meio Interior”

Nesta terça-feira (4),  Fiorella, cantora de apenas 15 anos e apadrinhada pela dupla Fernando & Sorocaba, gravou no Estúdio Hangar, em São Paulo, seu primeiro audiovisual. Intitulado “Meio Cidade, Meio Interior”, o projeto sintetiza a dualidade da cantora que se divide entre a cidade e a fazenda. Com um repertório excepcional, Fiorella brilhou no palco e foi aplaudida por amigos, familiares e convidados. Seu produtor musical e padrinho Fernando Zor, também esteve ao lado da cantora na gravação da faixa “Gaveta”, sucesso da dupla que ganhou uma nova roupagem na versão de cumbia. Em homenagem ao seu país e sua família, Fiorella também gravou um pout pourri de guarânias (estilo musical de origem paraguaia).
“O nome do projeto não poderia ser outro. Meio Cidade, Meio Interior é o que mais me representa, é a minha essência. Eu estudo na cidade, também vou pra cidade para trabalhar, e aos finais de semana eu estou na fazenda com a minha família ou nas provas de laço” fala Fiorella.
Com 19 faixas, sendo 13 inéditas e 6 regravações, o repertório foi escolhido a dedo durante meses pela cantora e seus produtores musicais, Fernando Zor e Ray Ferrari. Algumas das faixas inéditas  tiveram suas guias disponibilizadas nas redes sociais de Fiorella dias antes para que o público pudesse cantar em coro juntamente com ela.
“REALIZADA! Nem nos meus maiores sonhos imaginei que tudo isso fosse realmente possível. Gravei meu primeiro projeto com um repertório incrível e rodeada de pessoas que eu amo, que me incentivam, torcem por mim e pelo meu sucesso. Familiares, amigos, meus empresários, fãs, equipe e todo o time da Sony que acreditam no meu trabalho e me impulsionam cada dia mais. Ontem foi incrível e eu ainda não tenho palavras pra expressar. Deixo aqui, então, o meu MUITO OBRIGADA a todos, de verdade mesmo. Vocês não sabem o quanto significou pra mim  Meio Cidade / Meio Interior vem aí!” complementa a cantora.
Os looks, desenhados e criados exclusivamente para o projeto, tiveram a direção criativa da stylist Roze Motta. As roupas e botas foram todas confeccionadas e pensadas exclusivamente para a artista, que teve seu lifestyle representado nas peças com muito couro e franjas, além de bordados com elementos que remetem ao cavalo, ao laço e coisas que ela goste. Além disso, Roze apostou em três cores que Fiorella se sente bem usando, que são o preto, o marrom e o vermelho. E claro, sua marca registrada não poderia ficar de fora: a bandana na bota foi representada em todos os looks.
Por trás de toda essa produção a cantora contou com um grande time: Fernando Zor e Ray Ferrari ficaram responsáveis pela produção musical do projeto, a direção de vídeo é assinada por Gui Dalzotto. Já o cenário, criado pela Camaleão Cenografia, materializou a dualidade entre cidade e interior, trazendo elementos que representam os dois mundos: a modernidade dos paineis de LED e imagens de prédios representando a cidade, dividem espaço com portas de baia e alguns ñandutís (renda tradicional paraguaia), traduzindo o interior e as origens da Fiorella.

#tonamidia #claudelopes70 #fiorellacantora #meiocidademeiointerior

COMPARTILHE
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Leita também

a) Cole no código-fonte do seu site, próximo à parte inferior, pouco antes, ex: da mesma forma que você insere o script/código do google analytics. b) Caso você esteja usando banners, você também precisa adicionar a tag: