Comemorações dos 50 anos do Clube da Esquina, Artur Araújo evidencia sua identidade

Um marinheiro das montanhas! O cearense de Sobral, Artur Araújo, lança oficialmente o seu primeiro trabalho autoral, o disco “Morada dos Ventos”, com todas as faixas inéditas e participações especiais, dentre elas, o guitarrista, compositor e cantor mineiro Toninho Horta, um dos artistas ícones do Clube da Esquina, movimento musical que inspirou Artur Araújo a trilhar o caminho da música. Em forma de homenagem, o lançamento do seu álbum vem de encontro com as comemorações dos 50 anos do Clube da Esquina.

“Antes mesmo de gravar o Morada dos Ventos em estúdio, já tinha toda a concepção do disco na cabeça, principalmente pelo fato de que há alguns anos havia feito um show chamado “Dos trilhos aos cais”, que foi justamente na época em que deixei o Ceará para viver em Minas em 2014, e posteriormente, em 2017 quando ocorre a minha mudança de Ouro Preto para Belo Horizonte. Neste período, formei uma banda com músicos de uma mesma geração que é a minha, com influências muito próximas. Este show foi apresentado na época nestas cidades, inclusive em Sobral/CE, tornando-se um esboço para poder criar esse disco com canções inéditas”, enfatiza o artista.

Morando atualmente em Belo Horizonte e tendo ao lado os amigos músicos André Siqueira (flauta e efeitos), Cyrano Almeida (bateria e percussão), João Paulo Avelar (baixo), Lucas de Mello (violão e guitarra) e Pedro Volta (teclado e bandolim), Artur Araújo assumiu o vocal, direção musical e seu talento em tocar violão de 4 faixas, assim como os arranjos de flauta. O artista ainda conta no disco com a participação ilustre de Toninho Horta, ilustre membro do Clube da Esquina, da benção do cantor, compositor e guitarrista Nelson Ângelo, além da primorosa capa, contracapa e encartes, assinados pela renomada artista plástica, Leonora Weissman.

”Não poderia me furtar a falar de uma geração, de 2022, do agora, onde chegou a história e o que temos para seguir, confiantes de que a vida é inacabada, mas anda. O Artur é desses muitos garotos que viram seu país como inteiro, onde o amor à música os fez viajar por todos os estados. E está certo: de norte a sul ele escolheu jangadas e trens, estradas, rios e mares, mantendo fidelidade

clara a seus mestres”, descreve Nelson Ângelo que ainda completa: “Resiliente, Artur trilhou sem desfazer os elos culturais, repetindo a seu modo, passarinhos, matas, cachoeiras, caminho de sonhador que é. Não sei de nada melhor do que a música pra isso! Parece pouco, mas é coisa que não acaba mais. E quando o tempo passar vamos chegar todos juntos num mesmo lugar. Artur Araújo estreia para uma plateia jovem, com a casa cheia”, conta entusiasmado.

#ToNaMidia #ClaudeLopes #ArturAraujo #ClubeDaEsquina #ArturAraujoClubeDaEsquina

COMPARTILHE
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram
SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

Leita também